Morre menina que esperou por atendimento.

Neurocirurgião aguardou seis dias após faltar a plantão, para formalizar sua demissão do Hospital Salgado Filho.

O neurocirurgião deve ser indiciado por omissão de socorro.

O autor do disparo de arma de fogo, cujo projetil atingiu mortalmente a menina, se for identificado (essa, nem no CSI New York) , pode responder em  liberdade, pois não houve flagrante, e receber indulto de Natal, é só esperar uns meses.

Deu no O Globo:

“Adrielly dos Santos Vieira, de 10 anos, atingida na cabeça por uma bala perdida por volta de 0h15 do dia 25 de dezembro, no bairro de Piedade, na zona norte do Rio, e operada apenas oito horas depois, por falta de médico neurocirurgião no Hospital Municipal Salgado Filho, no Meier (zona norte), morreu nesta tarde. Ela estava internada no Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro, para onde foi transferida no dia 27. No dia 30 ela teve morte cerebral, mas o coração continuou batendo e só parou hoje.”

http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,morre-menina-baleada-que-esperou-oito-horas-por-atendimento-no-rio,980603,0.htm

Anúncios
Published in: on sábado, 5 janeiro 2013 at 9:33 pm  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://jorgereis.wordpress.com/2013/01/05/morre-menina-que-esperou-por-atendimento/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: